Sujeitos de Verdade: Foucault e uma Genealogia da Psicanálise, por Luiz Paulo Leitão Martins

Código: 4KZGXW2EJ Marca:
2x de R$ 40,00
R$ 89,70 R$ 80,00
ou R$ 76,00 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
    • 1x de R$ 80,00 sem juros
    • 2x de R$ 40,00 sem juros
    • 1x de R$ 80,00 sem juros
    • 2x de R$ 40,00 sem juros
  • R$ 76,00 Boleto Bancário
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

Sujeitos de Verdade: Foucault e uma Genealogia da Psicanálise, por Luiz Paulo Leitão Martins

Neste livro, o autor centra-se na leitura do último tempo do percurso de Foucault para pensar nas relações de seu discurso teórico com a psicanálise, em que se problematizou o registro da ética nas suas conjunções fundamentais com os registros do saber (arqueologia) e do poder (genealogia), para enunciar assim a nova problemática da estilística e da estética da existência.

Nesta perspectiva, o que está em pauta é a formulação da categoria do sujeito no plural e não no singular, como se formulava na tradição da filosofia do sujeito desde o século XVII, que se enuncia de forma eloquente desde o título escolhido, Sujeitos de verdade. Assim delineado, o sujeito seria concebido na tensão e no conflito permanente estabelecidos entre os campos do poder e da resistência, que se renovam e se reconfiguram de maneira infinita, no diapasão tecido de forma inequívoca entre a necessidade e a contingência.

Dessa maneira, a categoria de parresía como dizer verdadeiro, enunciada na Antiguidade, foi alçada à condição fundamental para delinear o campo ético do sujeito, na sua articulação crucial com o registro do poder. O trabalho de si foi assim destacado como sendo a marca decisiva do sujeito, como forma de subjetivação.

Joel Birman

___________________________

Se Lacan foi um dos poucos autores da história da psicanálise que depois de Freud retomou aquilo que a antiga tradição da epiméleia heautoû introduzia de inquietante, a saber, a questão da transformação do sujeito na experiência com a verdade, a pergunta de Foucault, que ele deixou aberta e que permanece não resolvida em toda a sua obra, foi a seguinte: É possível, nos termos próprios da psicanálise, colocar a questão das relações do sujeito com a verdade, do ponto de vista da espiritualidade e do cuidado de si?

Ora, se como condição de acesso à verdade é preciso que o sujeito se modifique, se transforme, se torne, em certa medida e até certo ponto, outro que não ele mesmo, interrogamo-nos de que maneira esse, por assim dizer, devir outro do sujeito, quando se constitui pela forma do saber analítico e se desdobra por uma estrutura de pertencimento institucional, não se configura muito mais como esquecimento da questão, do que propriamente como experiência de abertura para a alteridade do sujeito, e isso na medida em que a verdade se manifesta na espessura da própria vida e existência.

  • Editora ‏ : ‎ Kotter Editorial; 1ª edição (31 agosto 2021)
  • Idioma ‏ : ‎ Português
  • Capa comum ‏ : ‎ 680 páginas
  • ISBN-13 ‏ : ‎ 978-6589624301

 

2x de R$ 40,00
R$ 89,70 R$ 80,00
ou R$ 76,00 via Boleto Bancário
Comprar Estoque: Disponível
Sobre a loja

Editora independente e Sebo com lojas online e físicas localizada no centro de São Paulo: Rua Doutor Cesário Mota Júnior, 296 - Vila Buarque e Rua Frederico Abranches, 411 - Santa Cecília. E-mail: seboclepsidra@gmail.com - telefone fixo: 11 2476-0378 Compramos, trocamos e vendemos HQs e livros seminovos e usados.

Social
Pague com
  • Mercado Pago
  • Wirecard
Selos

Sebo CLEPSIDRA - Editora e Comercio de Livros LTDA. - CNPJ: 26.876.263/0001-52 © Todos os direitos reservados. 2022